The Venus Project – de 1760

Todos nós conhecemos de alguma forma o The Venus Project uma organização cujo objectivo melhorar a sociedade, construindo cidades sustentáveis , usando energia de forma eficiente, gerindo os recursos naturais da Terra, usando automação avançada, focando nos benefícios que tudo isto trará à sociedade. (Existem outros projectos semelhantes: The New Z-Land, e uma no Dubai que não me recordo o nome)

O que nós não conhecemos é que em 1760 várias missões jesuitas no interior da amazónia tinham como objectivo criar uma sociedade semelhante em tudo a estes projectos acima referidos. Em dada altura chegaram a contar com sessenta povoações habitadas por cerca de vinte mil famílias de indigenas. A sua percursão na sociedade de então era tal que os governadores coloniais de então se dirigiam a elas em forma de solicitão, e não de ordem.

Em cada missão estava no comando um membro da ordem, que era tutelado pelos líderes da missão. Esse comandante tinha o apoio um tenente corregedor, um alferes real, quatro regedores, um alcaide primeiro, um alcaide segundo, um alcaide da Irmandade, um alguazir-mor, um procurador e um secretário. Todos estes cargos eram exercidos por indigenas, já que era proibido que fossem exercidos por outros não nativos das aldeias.

Cada indígena tinha então um lugar na sociedade, e dedicava 6 horas por dia ao seu trabalho, as populações eram assim auto-suficientes. Desde a manutenção ao vestuário, passando pela fabricação de livros, ou orgãos musicais e alimentos necessários para todos.

Estas missões tornaram is indíos Guaranis (nome da tribo onde era feita esta experiencia) em pessoas pacíficas, infelizmente após saida da tutela dos missionários, esqueceram tudo aquilo que tinham aprendido até então voltando à sua vida anterior.

Este facto pouco conhecido do público em geral é a prova de que visões utópicas como a do The Venus Project ou The New Z-land, são situações que podem ser encaradas com grande realidade e como um caminho pela qual a sociedade em que vivemos hoje em dia devia de olhar com outros olhos e pensar seriamente naquilo que é ai proposto

One Response to The Venus Project – de 1760

  1. Sofia diz:

    Acho muito interessante e fascinante uma nova realidade, que, embora seja posta em causa por alguns”conservadores do Sistema” seja inevitável se quisermos prolongar a raça humana.
    BestRegards

    http://raizesplanas.blogspot.com/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: