Ateismo…

No comments😀

27 Responses to Ateismo…

  1. mfelicio diz:

    Já que estamos numa de ironia.. graças a deus que sou Ateu🙂

  2. kalenda diz:

    Para quem teve oportunidade de ver a série “Cosmos” de Carl Sagan, saberá que infelizmente o gráfico apresentado é bem real😦

    Aproveito para os convidar a observar as manobras que o Vaticano vai realizar para tentar livrar-se do escândalo da Pedofilia, em que o nosso actual Papa foi quem nos anos 60 criou o “código de conduta” para abafar estes casos.

    Vai ser muito interessante …

    Abraço,

    Kalenda

  3. kalenda diz:

    Hoje estou numa de chato … deixo-vos aqui umas frases do homem de que vos falei o Carl Sagan (o tipo marcou-me quando eu era bem mais novo):

    Esta é a mais famosa de todas: “Nós somos feitos de poeira de estrelas”

    “O primeiro pecado da humanidade foi a fé; a primeira virtude foi a dúvida.”

    “A vida é apenas uma visão momentânea das maravilhas deste assombroso universo, e é triste que tantos se desgastem sonhando com fantasias espirituais.”

    “A ausência da evidência não significa evidência da ausência.”

    “Se não existe vida fora da Terra, então o universo é um grande desperdício de espaço.”

    “Nós somos uma maneira do Cosmos conhecer a si mesmo”

  4. Dalaiama diz:

    Também me marcou bastante o Cosmos do Carl Sagan.
    Li isso com onze anos.
    Eu tinha um entendimento muito pueril da coisa, naturalmente.
    Era um pouco como ler uma espécie de Júlio Verne mas com maior substância científica.
    Estas frases do Carl Sagan estão muito bem trazidas.
    Fiquei triste quando ele morreu.
    Lembro de outra ideia que ele manifestou no rodapé de uma fotografia em que aparecia ao lado de uma árvore; ele dizia precisamente: um homem e uma árvore, parentes próximos na evolução. É bem verdade se considerarmos que a maior parte do tempo em que existiram seres vivos no nosso planeta eles foram apenas micro-organismos…

  5. Não caiam no erro de resumirem Jesus ao cristianisno romano, ou ás imensas variações de interpretações, boas ou más que a que a biblia é sujeita.. Já sabemos que a igreja romana atrofia a biblia em seu proveito..Este ainda é o assunto mais complexo de sempre, portanto nem me vou aventurar muito nisto.. Eu costumo dizer “se aconteceu, se acontece, se vai acontecer é porque Deus permite”.. Porque é que um ser superior teria de controlar directamente e evidentemente o universo? Eu não tenho nem tive qualquer gozo em me proclamar ateu porque é moda, porque me ficaria bem, porque mostraria que sou inteligente, independente e avesso a crenças com base em carencias… cuidado🙂

    Vocês não têm a certeza de nada! Só têm a certeza que morrem, que pagaram impostos, que têm esqueleto, que têm chatisses na vida.. e nem têm certeza que a alma morre ou não.. Eu teria mais respeito, já que não tenho certezas, não me vou estar a inclinar fortemente e ingenuamente para o NAO EU NAO ACREDITO!🙂

    Porque não entender Deus como um ser extraterrestre e universal? Porque não entender que os ovnis de metal ou holograficos sejam tentativas pela parte dos governos secretos e militares para confundir o povo? Talvez assim seja mais fácil encarar a probabilidade da sua existência.. Se a religião travou a evolução, por algum motivo foi e façam de resumir aquela “christian dark age” à igreja romana🙂. Mas acredito que o conservadorismo moral-religioso terá o seu objectivo: gerar equilibrio.. Podem fazer o seguinte exercício: imaginar o mundo sem religião.. estariamos todos felizes com a evolulção cientifico-social-politica-tecnologica ou teriamos um “the road” (2009) ou um “Collapse” ainda mais cedo?
    Estou constantemente a colocar em causa muitas das coias que ouço dos evangélicos (a meu ver, os que interpretam melhor a biblia), coisas que me custam imaginar ou encaixar, coisas que me parecem mal interpretadas. Não sonhem com um mundo moral sem religião.. parece-me impossível.. se o vaticano tem pedofilos ou o crl..lamento, a culpa não foi do conteúdo da biblia mas sim daquelas cabeças perversas que na impossibilidade de comer mulheres..comem putos indefesos..lamento.

    Esta é a mais famosa de todas: “Nós somos feitos de poeira de estrelas”
    – Acredito, já está provado.. porque não imaginar que isso pode ter acontecido por ordem divina? Penso que no génesis, a criação do adão e da eva se refere “Deus criou adão do pó da terra..” ..agora a parte da costela.. também fico sem perceber
    Acrescento, ao ver dos cristãos os 7 dias da criação são dias de 24 horas, o que acho incompreensível, consigo associar a teoria da evolulção à da criação dizendo que, provavelmente esses 7 dias representão milhões de anos..e que neste momento vivemos o 6º dia..o dia do homem (..) Há algumas passagens da biblia onde um dia para Deus pode equivaler a muitos mais anos humanos.

    “O primeiro pecado da humanidade foi a fé; a primeira virtude foi a dúvida.”
    – A dúvida perturba e faz-nos procurar soluções, o que é bom, mas quanto à fé sem ver..tb me custa a encarar

    “A vida é apenas uma visão momentânea das maravilhas deste assombroso universo, e é triste que tantos se desgastem sonhando com fantasias espirituais.”
    – Eu acho que as duas coisas se conjugam e esse deveria ser o ideal do cristão em geral, vejo-me a mim como um exemplo conseguindo associar ciência com a biblia e vice-versa.. penso que é um bom exercício a fazer:).. Portanto quem disse esta frase foi extremista e básico..mas acaba por ser um grande problema dos cristãos radicais.. resumir tudo à biblia e recusar/ridicularizar tudo que è ciência e factos.. Aliás, se forem a um culto cristão, reparam que só se fala da biblia e em repetição😡

    “A ausência da evidência não significa evidência da ausência.”
    – concordo

    “Se não existe vida fora da Terra, então o universo é um grande desperdício de espaço.”
    – A biblia nao refere outras civilizações, nem diz que há nem que não há… Se tomarem a existência de Deus como uma possibilidade, poderam pensar “e se Ele não nos quis dar a conhecer a existência de outros seres?” – aconselho a verem o filme “Contact” 1997

    “Nós somos uma maneira do Cosmos conhecer a si mesmo”
    – concordo🙂

    Isto foi tudo escrito a quente.. qualquer dúvida ou correcção..façam o favor..🙂

  6. E aquela treta de culpar o Jesus de tudo que há de mau no mundo já não cola..porque é que ele haveria de intervir se a culpa é toda do homem? Se intervisse mostrava-se..e a biblia perdia todo o sentido..a fé perdia todo o sentido..as profecias perdiam todo o sentido..ás vezes a biblia parece-me um jogo definido pelo próprio Deus, e ai de mim que diga isto dentro de uma igreja..era logo escumungado.. pelo menos digo “parece-me”..nao afirmo nada🙂

    No apocalipse há uma profecia que diz que depois do armaggedon (batalha entre as forças divinas (digamos extraterrestres) contra as forças humanas lideradas pelo anticristo), os santos, aqueles que serão arrebatados muito em breve, e nao comecem a gozar porque se acontecer vocês borram-se de medo a não ser que vos seja dada uma explicação “satisfatórias”, por exemplo que os crentes se mataram todos ou foram raptados por aliens mauzinhos, segundo a biblia estes governaram a terra com “vara de fero”..

    claro tudo isto parece um filme.. mas repito, os filmesé que parecem a realidade e a biblia..sao os filmes que se inspiram no passado..e nao o passado (biblia) nos filmes..

  7. errado…o armaggedon tem a ver com o cavalo amarelo..a china a tentar conquistar o mundo.. a guerra entre asforças divinas e as forças humanos lideradas pelo anticristo será uns anos depois..segundo a biblia..acredita quem quer

  8. De certo modo concordo com o Daniel, apesar de não ser minimamente religioso, mas crente num mundo espiritual ligado ao fisico.

    Algumas dessas frases do Carl Sagan, grande defensor da ciência, parecem-me um pouco extremistas…
    Apesar da religião ter influenciado o mundo tão negativamente nas várias eras, o conceito inicial não poderia ser mais humano e democrático. Estas características são partilhadas com as outras religiões…islamismo, budismo, hinduísmo…
    Se algo após isso foi mal interpretado então terá sido por culpa do homem e não dos próprios textos da bíblia (além de que alguns poderão ter até sido parcialmente re-escritos). Agora, a desconexão que a ciência está provocar no homem em relação à natureza é evidente e toda esta decadência que aqui falamos neste blog advêm disso mesmo, de uma sobrevalorização da teoria cientifica em prol de um mundo mais deshumano e maquinal.

    Até a ciência é sempre refutável, ainda não possui conhecimento suficiente para explicar certos acontecimentos e hoje em dia vão sendo quebradas algumas barreiras. Um exemplo de um grande documentário: http://www.youtube.com/watch?v=d-TrELBHijI Este da BBC e sobre universos paralelos e a teoria das cordas.

    Eu cá tenho a minha máxima: “Start your own religion”.

    Não há nada mais importante do que o nosso auto-conhecimento e percepcionar o que existe para além do óbvio.
    Para os grandes defensores do racionalismo cientifico recomendo algo como uma sessão de Ayahuasca com um “guia” e que após tal se expliquem racionalmente como acederam a tal espectro da sua consciência e espirito…

  9. kalenda diz:

    Olá Diogo,

    Será que podias partilhar um pouco mais sobre “Sessão Ayahuasca” ???

    Obrigado,

    Kalenda

  10. Claro🙂

    Ayahuasca (que significa “vinha das almas”) é uma combinação de duas plantas amazónicas que são ingeridas para efeitos psicoativos e visionários.
    Alguns governos obviamente que a apelidaram como droga após ter ganho bastante interesse actualmente, mas ultimamente tem sido legislada para usos religiosos, pois é algo muito diferente.
    Um dos aspectos é que a experiência poderá não ser amigável para quem a usa, porque tem-se uma ampliação da percepção relativa ao nosso interior e visualizar os nossos pensamentos, maus e bons, traduzidos numa imagética completamente estranha, desconhecida e reveladora, uma especie de estado meditativo pois é um forte combate com o nosso ego e arrogante certeza de que a realidade é limitada ao que conhecemos.
    Após a experiencia é sempre comum um relato de que foi algo positivamente tranformador por mais que se tenha apanhado uma “coça espiritual”.

    É interessante reparar que esse chá foi descoberto à muitos séculos por tribos indígenas na amazónia e mais tarde aproveitado e inserido em organizações cristâs dessa região.

    aqui explica mais detalhadamente: http://pt.wikipedia.org/wiki/Ayahuasca

    Tenho alguns filmes e documentários sobre o assunto..

  11. Ricardo Pereira diz:

    Olá Pessoal,
    Daniel não poderia deixar de concordar com a maioria do que disseste. Eu lido com a religião católica todos os dias porque pertenço a essa comunidade, embora saiba que esta é corrupta desde a sua criação, e porque é que continuo? é simples para mim a religião católica funciona bem na base da pirâmide e é um meio para eu poder exercer aquilo a que posso chamar energia positiva, ou seja, usar a minha energia positivamente, quando consigo fazer um jovem convicto das facilidades do mundo do trafico a acabar o 12º ano, por exemplo, quando consigo mobilizar jovens a ajudarem grupos carentes como idosos e deficientes. O que quero dizer é que o maior problema da religião é os seus seguidores, pois está e a soma de todos os indivíduos e por vezes esses indivíduos são vazios de energia positiva e meus caros sem ovos não se fazem omeletes .. por isso penso que o maior problema da religião católica são os católicos e se todos estes tenta-sem deixar de viver para o umbigo possivelmente o nosso estádio de evolução seria muito superior.

    Eu sou católico visto ter sido baptizado e crismado, muito aprendi à posteriori e percebi por dentro o podre desta religião, mas também foi a partir dela que ganhei uma energia positiva para perceber o que ganho quando realmente me prejudico a ajudar alguém…

    não querendo ferir susceptibilidades esta é a minha opinião..

    até a próxima .. uma boa noite.

    desculpem o mau português mas eu sou deslexico .. e não posso perder muito tempo a corrigir o texto ..😀

  12. é curioso, tão depressa se percebe que o problema não é a biblia mas sim a ambiguidade das interpretações, nos cristãos que a conscientemente a interpretam mal (o que é mais curioso ainda), não cumprem os mandamentos e são imorais isolados, sendo estes egoistas e olhando para o seu próprio umbigo.. como por outro lado fazem parte de todo um colectivo religioso do faz de conta, e as igrejas tresandam a isso, se ao menos fossem isolados nas suas certezas éticas e independentes, contrariamente a esse colectivo passivo de domingueiros (ironia), aí o pensar por sí mesmos teria algum valor biblico, até porque a biblia tem imensas passagens onde distingue aqueles que são quentes e os que sao mornos..(segundo a minha família sou um morno de todo o tamanho lol.. mas lá vou associando umas coisas..vá lá, não sou evangelico praticante nem vou aos cultos marcar a senha mas la vou investigando.. por exemplo todos estes factos que os teoricos conspiracionistas revelam.. consigo interliga-los com tudo o que sei da biblia..).

    Ricardo, já reparaste que finalmente os jovens da igreja católica começam a usar métodos de “persuação” de jovens, mais actuais como: organizar acampamentos, concertos, mini festivais, ajuda ao próximo.. tal como os evangelicos que já o fazem desde sempre, sim os evangelicos.. aqueles que valorizam o povo israelita, os escolhidos por Deus..e são condenados por isso como os “assassinos de Jesus” ehehe.. mas acredito que nao faças parte do mesmo pensamento anti-semita🙂

    Olha se fazes um bom trabalho nessa comunidade.. acho que será, em parte, por teres uma mentalidade pró-religiosa, ou seja..deves ter imenso gosto por associar factos bíblicos com factos científicos.. e é assim mesmo que vais conseguir cativar mais malta nova.. é mesmo isso!! E não condenar mas sim compreender ( e isto tem muito que se lhe diga). Já não se consegue converter alguém apenas com base na biblia e no conhecido plano de salvação de forma repetitiva, portanto, os crentes devem mostrar conhecimento geral e nao apenas conhecimento biblico como se este fosse único, incomparável e colocasse fora de acreditação tudo o resto..

  13. kalenda diz:

    Desconhecia a existência desta “droga”, que de uma forma ao que parece fácil, permite a qualquer “mortal” atingir “estados modificados de consciência” profundos. Estados estes normalmente só atingidos por exemplo, por quem pratica meditação ao longo de muito tempo.

    Obrigado,

    Kalenda

  14. Dalaiama diz:

    Pessoal, desculpem se acham que não tem nada a ver, mas há menos de cinco minutos recebi um mail que inevitavelmente me trouxe este post à memória. Transcrevo o mail:

    «Olá, preciso de um favor

    Bom dia!

    Desculpa incomodar-te, mas é muito urgente Tenho um amigo que veio de muito
    longe e precisa de um lugar para ficar. Sendo assim, indiquei a tua casa.
    Peço-te que o recebas e o ames. O nome dele é Jesus Cristo. Agora diz baixinho:
    Pode entrar Senhor, eu preciso de Ti, limpa meu coração com Teu sangue e abençoa
    a minha família.
    Agora envia para o mínimo de 20 pessoas e vais receber um milagre amanhã

    * Se acreditas em Deus envia esta mensagem a 20 pessoas, se o rejeitares
    lembra-te do que Jesus disse:

    “Se Me negas entre os homens, te negarei diante do Pai ”

    Dentro de 4 minutos te dirão uma noticia boa »

    A penúltima frase com a ameaça velada é típica nestas situações, mas enfim, nada mais comento… Hehehe

  15. LOOOOOOOOL 01:19 e eu mesmo com sono a rir imenso ahaha mas olha lá ..está na cara que isso são tretas de alguém que não é verdadeiramente religioso/cristão/inteligente/moral/sensato…🙂 logo se não se é o que acabei de dizer..não se é cristão.. logo quem espalhou iniciou essa treta e quem dá seguimento a 20..pode ir plantar batata lol

    Mas eu nunca vi nada assim no meu email..cá para mim isso foi inventado por ti dalailama lolo

  16. Nino Rançoso diz:

    rsrsrs …recebi o mesmo que o Dalaiama em um site de relacionamento a algumas semanas …”Já que estamos numa de ironia..”² …acho que fui negado a tempos!

  17. Ricardo Pereira diz:

    Pessoal, eu para alem de tudo o que vos digo e que a relegião não é especialmente importante o que é importante e o que nos move. Aquilo que sinto e que quando dou de mim coisas que realmente me fazem falta eu sinto-me de alguma forma sempre recompensado. Era engraçado o pessoal aqui do forum fazer um teste o pessoal podia fazer uma prova de real carinho para um necessitado da nossa vida, mas não e dar dinheiro a um pedinte e pedir dinheiro com ele percebem ? e depois digam-me se não transbordam de inergia/felicidade/cansaço sim normalmente e muito cansativo ..

    Eu vi um filme a tempos com o meu grupo que era o favores em cadeia era engraçado quem não viu verem. Claro que é ficção mas se fosse-mos todos mais prestáveis o mundo poderia ser um lugar muito mais desenvolvido.

  18. jmct diz:

    Boas malta,

    É curioso ver que mesmo depois de tanto tempo (o tempo em que este blog foi criado) o assunto da religião ainda é o que suscita a maior discussão. Por tudo o tipo de razões.

    Vou tentar comentar desde o início,

    umas das ‘coisas’ que achei mais curiosas nas minhas leituras foi quando deixei dizer ‘txxiii altamente’ a tudo o que lia e comecei a dizer ‘hmm com esta frase não vou muito à bola’. Não estou a dizer que é o caso do Cosmos do Sagan, estou apenas a dizer.

    Hoje em dia, se olhasse ao céu e visse uma imagem de Jesus Cristo, iria pensar que afinal o Prpjecto Blue Beam era verdadeiro. Não estou a gozar, estou a falar a sério, não me levem a mal por favor.

    Fui uma pessoa que durante a minha vida fiz alguns trabalhos de voluntariado, como limpar as ruas e afins. Para alem de passar a achar que esses trabalhos de voluntariado são uma continuação do sistema corrupto (logo explico outro dia) aprendi que movimentos pontuais (pessoais ou em grupo) para um bem melhor são uma proba do erro que se comete todos os dias.

    A palavra chave é ”pontual”. Se necessitamos de pensar no momento em que vamos agir correctamente então significa que nos outros dias nunca pensamos nisso. A meu ver não podemos tormar esse tipo de decisões ao nível pontual. Temos de ser assim naturalmente a toda a hora, a todo o tempo, porque é dessa a forma que somos expontaneamente é assim que nos sentimos bem.

    Parem agora um pouco para pensarem no que disse a cima

    (…)

    Outra coisa que também sempre me fez confusão é o argumento do ‘materialismo científico’. Este argumento é dado de modo a por o ‘materialismo científico’ como o lado negro oposto ao espiritualismo ideal.
    Já que comecei com isto vou ter de seguir em frente, desculpem se escrevo de mais. Antes de mais penso que o primeiro erro é a junção do ‘materialismo’ com o ‘científico’. O materialismo vem do homem, do egoísmo do homem, da cobiça do homem do desejo do homem. Não tem nada a ver com o prazer ou a aventura científica. Digo-vos isto porque já senti na pele, a aventura científica é das sentimentos mais inocentes e mais bonitos que já vivi. É dedicar todo o nosso tempo a uma coisa só porque gostamos quando não queremos e sabemos que não vamos tirar nada dali. Apenas um caminho para um bem melhor. Porque é disso que a ciência é feita. Desculpem as minhas palavras mas é algo que me faz de veras confusão é o constante uso da palavra ciência como oposição a uma caminho espiritual ou como origem do materialismo do homem.

    Atenção que com espiritual não quero dizer religioso nem espírita (espíritos, almas). Por espiritual quero apenas dizer um caminho ligado ao ‘não-material’ à união entre os Homens.

    Aqui nestes comentários deu para ver diferentes formas como as pessoas tomam diferentes caminhos para um bem melhor.

    Para deixar algo mais pessoal também da minha parte, nos últimos tempos tenho tentado aprender/compreender, nem sei bem como dizer, ser uma mente capaz de se sustentar sozinha. Uma mente que não tem nada para se agarrar, para fugir, para se distrair e refugiar, apenas poderá amar. Este foi o último pensamento que senti em mim mesmo. (claro que teve as suas fontes, mas a questão aqui é não saber porque alguém o disse, mas saber porque se sentiu realmente. Desculpa K, tive necessidade de dizer isto). Mas devo dizer também, nunca encontrei caminho mais difícil.

    Abraços

  19. Há uma maneira de fazeres com que um pedinte receba 4 esmolas à tua custa..sabes qual? É algo tão simples..costumo faze-lo mais por gosto que por outra coisa..confesso..
    se tiveres bom aspecto..aspecto de gajo da classe média..se fores giro melhor…e deres esmola a um mendigo.. a probabilidade das 2..3.. 4 pessoas que vêm atrás..darem também é ENOOOOOOOOORME..lolo…é msm à tuga!! As pessoas agem e movem-se por influência!

  20. kalenda diz:

    Ora viva,

    Parece que este post já vai longo … hehehe

    Se o “K” sou eu, não entendo o pq das desculpas🙂

    Abraço,

    Kalenda

  21. FreedomSeeker diz:

    Boas pessoal,

    Obrigado Kalenda por me lenbrares desse visionário que foi Carl Sagan. Via muitas vezes os seus documentários mas na altura não me inteirava minimamente das questões existencialistas ou da relação religião-ciência, talvez porque na altura também eu frequentava a igreja por iniciativa própria.

    Faço minhas as palavras do José Mário Branco quando diz:
    “Vou vos mostrar mais um pedaço da minha vida…
    Um pedaço um pouco especial…”
    Os meus pais tiveram o bom senso de me deixar crescer para escolher se queria ser baptizado ou não. A minha avó (beata devota que eu adoro) encarregou-se de me ajudar na escolha assustando-me com estórias que hoje reconheço serem absurdas mas que para um puto de 8 anos eram realmente assustadoras. A que melhor recordo é a de que ninguém iria ao meu funeral se morre-se sem ser baptizado. Na altura decidi então ir à catequese para poder ser baptizado, fazer a 1ª comunhão, o crisma, etc…
    E fiz.
    Mas fi-lo não por acreditar que precisava disso para alguma coisa mas porque tinha medo!
    Medo de ir para o inferno, medo de os outros não falarem comigo. Sei lá. (Como podem ser plenamente felizes os crentes se vivem constantemente com medo?)
    Claro que ao final de algum tempo começei-me a aperceber do absurdo de tais estórias, da hipocrisia de tal instituição e das pessoas que a gerem, e de muitos dos crentes também, fazendo-se passar por santos quando era sabido serem tão maus como qualquer outro.
    A verdade é que sempre fui curioso e sempre questionei tudo. Inevitávelmente questionava os ensinamentos religiosos, achava-os demasiado absurdos.
    Não me refiro à parate da benefeciência ou do amor pelo proximo, mas sim tudo o resto, desde os rituais, aos canticos, às vestimentas, e principalmente à recriminação de todos os que não seguíssem os ensinamentos religiosos.
    Dava-me a ideia que a religião (seja ela qual for) tem mais a ver com Separação do que com União, mais Ódio e Intolerancia do que Amor Incondicional, mais Ganância do que Altruismo.
    Isto devia ter eu uns 10 anos mais ou menos.
    Depois decidi acabar a catequese até ao crisma para não ferir suscetibilidades da minha familia e também porque tinha assim a oportunidade de conhecer melhor por dentro uma das instituições mais podres e hipócritas que o Homem continua a tolerar.
    E conhecí, e posso-vos dizer que é mesmo podre e hipócrita.
    Mas sei hoje que isto se aplica a todas as religiões já que estas foram criadas para controlar as massas, e fazem muito bem o seu trabalho, o que me revolta e indigna profundamente.
    Posso-vos dar outro exemplo de hipocrisia…
    O nosso Cardeal Patriarca de Lisboa, o tal Dom Policarpo, ainda era um mero bispo e já tinha perdido toda a sua humildade e simpatia. Tive o desprazer de lhe servir um almoço no quartel da tropa das Caldas da Rainha onde cumprí a merda do Serviço Militar Obrigatório.
    Nenhuma das vezes que lhe troçemos ou servimos o que quer que fosse, foi capaz de agradecer ou devolver ao menos um sorriso. Agoniou-me!
    É essa a imagem de marca de uma instituição religiosa que apregoa o Amor e a Fraternidade?
    Parece que sim, tanto o é que logo a seguir a um Papa tão aberto a novas idéias como o foi, apesar de tudo, João Paulo II, escolhem logo um novo Rosto muito mais austero, mais rigoroso, intransigente e rude.
    Mas eu acredito que as pessos devem ser livres de acreditárem no que quiserem, só acho é que deviam questionar primero, investigar, perguntar, verificar se têm qualquer fundamento que seja.
    A maioria das pessoas não está minimamente consciente do quanto não sabe acerca de tanta coisa (nem eu tão pouco), mas o pior é não quererem saber, o cultivo da ignorância na sociedade actual choca-me.
    Porque é tão difícil pensar em vêz de simplesmente e cegamente acreditar?
    Já viram que tudo o que foi conseguido de bom e de mau neste mundo foi porque alguém pensou em realizar em vez de acreditar que se Deus quiser há-de acontecer?
    Não é a acção e o pensamento que levam à evolução?
    Como podemos acreditar que textos com milhares ou centenas de anos nos podem guiar hoje para a salvação, ou para uma vida melhor?
    Textos que na sua maioria nem foram escritos na mesma época das pessoas (ou personágens?) retratadas nesses mesmos textos? Afinal quem conta um conto acrescenta um ponto!
    Textos que foram copilados por pessoas que o fizéram conforme lhes era mais favorável, excluindo os que não lhes convinham.
    Não, a minha caixinha-dos-trocos dizme que não, não tem lógica tais crendices.
    A minha análise da sociedade , das suas particularidades e pormenores leva-me a concluir que não precisamos de tais crenças para sermos verdadeiramente felizes, apenas de amor, compreenção e principalmente, de procurarmos o verdadeiro conhecimento por nós próprios, cada um da sua forma, verdadeiramente livres e conscientes como pessoas, como espécie, como planeta, como universo, já que SOMOS TODOS UM!

    Pesso desculpa se feri susceptibilidades mas foi a minha opinião sincera sobre as religiões no geral e uma em particular.
    Não deixo no entanto de elogiar todos aqueles que movidos porque pricípio for, ajudam o próximo ou contribuem para a sua consciencialização e ABERTA EDUCAÇÃO.
    Nesse campo acho que fazer bem a alguém, seja esporadicamente ou habitualmente, desde que seja sinceramente é sempre de positivo.
    Eu tento fazer disso um hábito, quanto mais não seja com a alegria e simpatia no dia-a-dia.
    Acredito na energia positiva e no seu poder benéfico para quem nos rodeia, mesmo não nos conhecendo.
    Acredito no poder do sorriso, mesmo não sendo muito bonito como o meu, tem é de ser sincero.
    Acredito que temos de olhar todos uns pelos outros independentemente das crenças, cores, proveniencias ou opções pessoais e sexuais.
    Acredito no amor.
    E acredito na capacidade de raciocinar do ser humano.
    Só espero que as pessoas despertem do transe induzido em que vivem a tempo de evitarmos o caos que se aproxima e que, é sabido, será aproveitado pela elite para consolidar o seu governo mundial retirando toda e qualquer liberdade própria do indivíduo.

    E isto não são conclusões tiradas à meia dúzia de anos mas sim ao longo de toda a minha vida, que ainda não é assim tão longa.

    Abraço

  22. kalenda diz:

    Ora viva,

    Mais um texto que considero corajoso e revelador:

    O “MEDO” talvez seja o maior castrador da humanidade … qual a diferença entre o medo de um homem e de um gato? Alguém quererá filosofar sobre isto ? Valerá a pena ?

    Se te serve de consolo😉 eu fiquei-me pela primeira comunhão e abandonei a igreja de vez em plena missa, tinha apenas 11 anos e deixei o Padre pendurado no altar a ver-me abandonar o espaço🙂 (eu estava de serviço na ajuda à missa).

    Dizes tu:

    “…Porque é tão difícil pensar em vez de simplesmente e cegamente acreditar?…”

    acho que até respondes a isto dizendo …

    “…Mas eu acredito que as pessoas devem ser livres de acreditarem no que quiserem, só acho é que deviam questionar primeiro, investigar, perguntar, verificar se têm qualquer fundamento que seja.”…

    Só que isto dá muito trabalho … não é verdade ???

    ” …Como podemos acreditar que textos com milhares ou centenas de anos nos podem guiar hoje para a salvação, ou para uma vida melhor?…”

    Em relação a determinados assuntos eu sou daqueles que acredita que nada está por inventar, por isso, os textos antigos até são válidos. Mas entendo o que queres transmitir com a tua opinião.

    Pois é, a malta dedica mais tempo a tentar conhecer os outros e num repente termina a sua existência sem saber quem foi (será que é mesmo assim?). Tudo porque observamos os outros na tentativa de os modificarmos, não é? Ou será na tentativa de aprendermos com eles para nos modificarmos a nós próprios🙂 (nem acredito que disse isto hehehehe).

    Na verdade ninguém quer mudar (somos pequenos ditadores), os outros que mudem pois é bem mais fácil.

    A liberdade só nos é retirada enquanto tivermos “MEDO” … bolas lá voltamos ao início.🙂

    Um abraço,

    Kalenda

  23. kalenda diz:

    comentário mais abaixo …

  24. Charlie diz:

    mann nice ressaltuu tuu frasee:

    “A ausência da evidência não significa evidência da ausência.”

    eee,,, w wasting soo much angry in thingz that are not ure beliefes ?? peezz

  25. rpfm diz:

    Eu aproveito para deixar mais uma acha para a fogueira😀

    holy bible

    Ó Mats! Anda cá ver isto!

  26. FreedomSeeker diz:

    Obrigado pelo comentário Kalenda.
    è isso mesmo, o Medo é o maior castrador da Humanidade.
    E no caso do nosso pequeno Portugal é principalmente o Medo da Mudança que nos castra, e a prova disso é termos suportado uma das mais longas ditaduras da História da Humanidade.
    E reflecte-se principalmente nas eleições para o governo uma vêz que continuamos constantemente a escolher os mesmos dois partidos à cerca de 30 anos já sabendo perfeitamente a Merda de que são capazes. Não quero com isto dizer que este ou aquele partido possa ser melhor, mas se essa é a única forma de mudar algo, não seria de esperar que o fizésso-mos? Afinal de contas, os outros que viessem governar, já não podiam fazer muita mais Merda do que estes fizeram até agora. Estes já nos venderam à Europa, ao Banco Mundial e ao FMI à muito tempo.
    Já hipotecáram o nosso futuro, já esbanjáram o dinheiro público em Estádios de futebol que raramente enchem, em Auto-estradas normalmente desertas, em submarinos que não têm a mínima utilidade, em tropas estacionadas no Afeganistão a guardar os campos de papoila dos Americanos em lugar de vigiárem as nossas matas na época de incêndios, e principalmente a tapar buracos financeiros em Bancos mal geridos ou roubados por criminosos que nunca chegam a ser julgados e muito menos condenados.
    E que já nos amordáçam com uma censura cada vêz mais latente nos meios de comunicação nacionais.
    Portanto não acredito nos políticos nem na política. Acabam todos vendidos ou a quererem comprar alguém.
    Mas ainda assim acredito que a consciencialização cresce cada vez mais no nosso pequeno mas Enorme país.
    Bela Bíblia Rpfm, uma óptima prenda para alguns amigos meus.

    Abraço

  27. José diz:

    Quanto ao slide 4 que culpa Deus pelos males da humanidade, só tenho algo a dizer, Livre Arbitrio, segundo suas leis, mesmo Deus não pode intervir na vida de ninguém se o mesmo não pedir, está é uma das leis mais fortes do Universo, então, para que Deus interfira na Terra, praticamente toda a Humanidade tem que pedir para que ele ajude.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: