Zeitgeist: Moving Forward – Versão Online Lançada

Edit por jmct:

Devido à forte imagem que estava como thumbnail do vídeo, decidi apenas colocar o link para o YouTube.

http://www.youtube.com/watch?v=4Z9WVZddH9w

Gatunos e Xupistas!

 

Nunca esta rábula foi mais actual do que agora!

Caso BPN: O que esconde Cavaco?

Caso BPN explicado a tótós: Uns ganharam dinheiro e outros perderam. Uns estão presos e outros não.

A Plutonomia e a Estratificação Social

 

Ao que parece, a desigualdade social de base económica, está tão disforme e acentuada no mundo que os mais ricos do mundo (os 1% mais ricos de países como os EUA, Reino Unido e Canadá) dominam tanto a economia que podem negligenciar à vontade a grande maioria da população. Ou seja, podem ignorar mais do que as suas vontades sociais ou políticas (que já o têm feito há muito tempo como todos nós sabemos): as suas vontades como consumidores ou quaisquer outros comportamentos que pudessem ter cariz económico. Basta lerem um pouco os pdfs para verem o quão aberrante e disfuncionais as sociedades supostamente mais avançadas se estão a tornar:

Citigroup-Plutonomy-Report-Part-1

Citigroup-Plutonomy-Report-Part-2

Excerto da palestra Social Pathology (Patologia Social) por Peter Joseph, onde é referido o material do Citigroup:

Ler mais deste artigo

FMI – 2010/11/05 – Miguel Portas

O mito do 13º Mês

Boas,

Recebi isto pelo e-mail. Pareceu-me bastante interessante e lógico, que acham?

O 13º MÊS NÃO EXISTE

Os ingleses pagam à semana e claro, administrativamente é uma seca! Mas …
diz-se que há sempre uma razão para as coisas! Ora bem, cá está um exemplo
aritmético simples que não exige altos conhecimentos de Matemática mas
talvez necessite de conhecimentos médios de desmontagem de retórica
enganosa. Que é esta que constroi mitos paternalistas e abençoados que a
malta mais pobre, estupidamente atenta e obrigada, come sem pensar!

*Uma forma de desmascarar os brilhantes neo-liberais e os seus técnicos
(lacaios) que recebem pensões de ouro para nos enganarem com as suas
brilhantes teorias…*

Fala-se que o governo pode vir a não pagar aos funcionários públicos o 13º
mês.

Se o fizerem, é uma roubalheira sobre outra roubalheira.

Perguntarão porquê.

Respondo: *Porque o 13º mês não existe.*

O 13º mês é uma das mais escandalosas de todas as mentiras do sistema
capitalista,
e é justamente aquela que os trabalhadores mais acreditam.

Eis aqui uma modesta demonstração aritmética de como foi fácil enganar os
trabalhadores.

Suponhamos que você ganha € 700,00 por mês. Multiplicando-se esse salário
por 12 meses,
você recebe um total de € 8.400,00 por um ano de doze meses.

€ 700*12 = € 8.400,00

Em Dezembro, o generoso patrão cristão manda então pagar-lhe o conhecido 13º
mês.

€ 8.400,00 + 13º mês = € 9.100,00

€ 8.400,00 (Salário anual) + € 700,00 (13º mês) = € 9.100 (Salário
anual mais o 13º mês)

O trabalhador vai para casa todo feliz com o patrão.

Agora veja bem o que acontece quando o trabalhador se predispõe a fazer umas
simples contas que aprendeu no 1º Ciclo:

Se o trabalhador recebe € 700,00 mês e o mês tem quatro semanas, significa
que ganha por semana € 175,00.

€ 700,00 (Salário mensal) / 4 (semanas do mês) = € 175,00 (Salário semanal)

O ano tem 52 semanas. Se multiplicarmos € 175,00 (Salário semanal) por 52
(número de semanas anuais) o resultado será € 9.100,00.

€ 175,00 (Salário semanal) * 52 (número de semanas anuais) = € 9.100.00

O resultado acima é o mesmo valor do Salário anual mais o 13º mês

Surpresa, surpresa ? Onde está portanto o 13º Mês?

A explicação é simples, embora os nossos conhecidos líderes nunca se tenham
dado conta desse facto simples.

A resposta é que o patrão lhe rouba uma parte do salário durante todo o ano,
pela simples razão de que há meses com 30 dias,
outros com 31 e há Fevereiro que tem 28 dias.
O salário é o mesmo independentemente do numero de dias do mês, porque na verdade
o salário é pago como o serviço prestado ao fim de 4 semanas.
Preste atenção: efectue a soma da diferença entre os dias que cada(28. 30 ou 31) e
as 4 semanas que o governo lhe paga (28 dias). Verá que o resultado equivale a 4 semanas
de trabalho. Portanto, ninguém está a dar nada a ninguém com o 13º mes.

*Se o governo retirar o 13º mês aos trabalhadores da função pública, o roubo
é duplo.*

Daí que, como palavra final para os trabalhadores inteligentes.
Não existe nenhum 13º mês.
O patrão apenas devolve o que sorrateiramente lhe surrupiou do salário anual.
*Conclusão: Os Trabalhadores recebem o que já trabalharam e não um adicional.*

Dominio Wikileaks encerrado

O site da Wikileaks foi encerrado pela empresa fornecedora do sistema de domínios onde o qual era alojado (EveryDNS.net).

Estes alegaram a segurança dos seus clientes como motivo para o encerramento, visto, dizem eles, os seus servidores têm sido alvo de ataques informáticos.

Às 10:00 a Wikileaks podia novamente ser visualizada no endereço http://www.wikileaks.ch, mas à hora a que escrevo este post, já não estou a conseguir visualizar novamente o site.

O Wikileaks afirmou que tem sofrido interrupções desde que começou a divulgar milhares de telegramas confidenciais dos Estados Unidos. Numa mensagem publicada na rede social Twitter, o Wikileaks reconheceu que o seu domínio foi “morto” pela EveryDNS.net.

Cosas que desaparecen

Deixo-vos con um texto que saiu no “El Paìs”

Cuando no hay más lógica que la económica y solo ella dicta las normas, muchas cosas desaparecen. Desaparece la gente de las ventanas, porque el tiempo que hasta mediados del siglo XX se empleaba para ver pasar a la gente por la calle o para escuchar el canto de un pájaro se necesita ahora para hacer algo provechoso, es decir, para ganar algunos euros, o para preparar un examen, o para solucionar un asunto, o dos asuntos. Desaparece también la conversación, porque, al haber siempre un quehacer, la gente lo deja para otro día, otro sábado, otro verano. Desaparece igualmente la amistad, porque es difícil quedar, porque la gente tiene la agenda rellena. Por la misma razón desaparece la vida familiar. Como decía un tango, la gente llega a casa deshecha por la máquina, sin más gana que la de ver televisión. Además, siempre hay una llamada telefónica pendiente.

Continuar a ler…

200 paises, 200 anos, em 4 minutos

O vídeo que vos mostrarei de seguida, representa um excerto do documentário “The Joy of Stats” da BBC, no qual Hans Rosling mostra-nos de forma bastante apelativa a evolução da riqueza e esperança de vida de 200 países durante os últimos 200 anos.

Ler mais deste artigo

Wikileaks

Muito rapidamente porque estou aqui no trabalho e nao tenho mais tempo.

que acham deste saqueio do Wikileaks?

Sabem de algum link para sacar toda a informacao?

Acham que os jornais estao a escondernos informacao?

Ate breve, desculpem os erros, mas estou num teclado Ingles.

Rescaldo da Cimeira da Nato em Lisboa

 

Ler mais deste artigo

Eric Cantona – Accion Mundial Contra los Bancos

Uma reflexão pessoal sobre o Movimento Zeitgeist e o Projecto Vénus

Este blog começou exactamente com o documentário do Zeitgeist, O Filme. Já vão quase dois anos, e tendo em conta o crescimento da “cena” Zeitgeist e a presença que tem tido ultimamente na minha vida, decidi escrever os meus pensamentos sobre o assunto.

Ler mais deste artigo

Leituras – The end of cheap coal

http://www.nature.com/nature/journal/v468/n7322/full/468367a.html

New forecasts suggest that coal reserves will run out faster than many believe. Energy policies relying on cheap coal have no future, say Richard Heinberg and David Fridley.

Nature
Volume:
468,
Pages:
367–369
Date published:
(18 November 2010)
DOI:
doi:10.1038/468367a

Published online
17 November 2010

Ver também: O curso do crash.