Zeitgeist: Moving Forward – Versão Online Lançada

Edit por jmct:

Devido à forte imagem que estava como thumbnail do vídeo, decidi apenas colocar o link para o YouTube.

http://www.youtube.com/watch?v=4Z9WVZddH9w

Dominio Wikileaks encerrado

O site da Wikileaks foi encerrado pela empresa fornecedora do sistema de domínios onde o qual era alojado (EveryDNS.net).

Estes alegaram a segurança dos seus clientes como motivo para o encerramento, visto, dizem eles, os seus servidores têm sido alvo de ataques informáticos.

Às 10:00 a Wikileaks podia novamente ser visualizada no endereço http://www.wikileaks.ch, mas à hora a que escrevo este post, já não estou a conseguir visualizar novamente o site.

O Wikileaks afirmou que tem sofrido interrupções desde que começou a divulgar milhares de telegramas confidenciais dos Estados Unidos. Numa mensagem publicada na rede social Twitter, o Wikileaks reconheceu que o seu domínio foi “morto” pela EveryDNS.net.

Cosas que desaparecen

Deixo-vos con um texto que saiu no “El Paìs”

Cuando no hay más lógica que la económica y solo ella dicta las normas, muchas cosas desaparecen. Desaparece la gente de las ventanas, porque el tiempo que hasta mediados del siglo XX se empleaba para ver pasar a la gente por la calle o para escuchar el canto de un pájaro se necesita ahora para hacer algo provechoso, es decir, para ganar algunos euros, o para preparar un examen, o para solucionar un asunto, o dos asuntos. Desaparece también la conversación, porque, al haber siempre un quehacer, la gente lo deja para otro día, otro sábado, otro verano. Desaparece igualmente la amistad, porque es difícil quedar, porque la gente tiene la agenda rellena. Por la misma razón desaparece la vida familiar. Como decía un tango, la gente llega a casa deshecha por la máquina, sin más gana que la de ver televisión. Además, siempre hay una llamada telefónica pendiente.

Continuar a ler…

200 paises, 200 anos, em 4 minutos

O vídeo que vos mostrarei de seguida, representa um excerto do documentário “The Joy of Stats” da BBC, no qual Hans Rosling mostra-nos de forma bastante apelativa a evolução da riqueza e esperança de vida de 200 países durante os últimos 200 anos.

Ler mais deste artigo

Homem jogando dinheiro na av. Paulista

Este vídeo deixou-me um bocado a pensar, está e mesmo a sociedade que o Projecto Venus e outros parecidos irão tentar mudar. Ou esta é a sociedade que terá de mudar para que não nos afundemos de vez. Começo a achar que um gajo está mesmo “sozinho” e enfrenta uma contradição, entre “ver todos como iguais” e “tentar sobreviver”. (estou já a pensar num cenário “colapso”. Porque estas são as pessoas que irão roubar a tua horta em vez de te ajudarem a plantar.

BP falsifica imagens referentes ao desastre do Golfo do México

A imagem acima foi colocada dia 19 no site da BP. Tanta gente a trabalhar tão afincadamente para pararem o derrame de petróleo que já dura à 3 mêses. Agora reparem com um um pouco mais de atenção. PHOTOSHOPPED!!!!

Se têem dúvidas reparem:

No dia seguinte como se não chegasse saiu mais esta também no site da BP:

A foto entitulada de “View of the MC 252 site from the cockpit of a PHI S-92 helicopter 26 June 2010,” A primeira mostra de que é uma foto “fabricada” é a torre de controlo no canto superior esquerdo da foto:

Passamos directamente para o mar, onde esta muda abruptamente de cor, fica ofuscado, e existem navios a desaparecerem misteriosamenteo:

Mais um indicio da existencia de má montagem na fotografia:

E por último, o helicóptero aparenta estar a sobrevoar os barcos, mas os indicadores no painel, demonstram que a porta está aberta e o trem de aterragem estão em baixo, assim como o “travão de mão” ligado, sem falar de que o piloto tem na mão o lista de procedimentos a realizar antes do vôo:

Quinta feira, as fotos foram retiradas do site, e a BP oficiosamente disse que as tinha manipulado mas não deixa de ser mais uma mancha negra na pouca credibilidade que a empresa ainda tem hoje em dia.

Andam a tapar o sol com a peneira… Alguém ouviu ou viu estas fotos nos circulos noticiosos os últimos dias?

Fonte e Fonte

Erasing David

David Bond vive num dos países mais controladores sobre privacidade no mundo (Reino Unido). Ele decide descobrir o quanto as companhias privadas e o governo conhecem os seus dados colocando-se a si próprio sobre vigilância e de seguida tentando desaparecer. Deixando para trás a sua mulher grávida e a sua filha, ele é procurado por dois investigadores privados numa jornada incrível pela procura do significado da privacidade… Ou a perda desta.

A ideia é simples, conhecendo apenas o seu nome os dois investigadores têm 30 dias para o localizar podendo para tal usar qualquer meio para o encontrarem.

Cartaz de Daniel Paradinha – RegularShift

Olá a todos. Como já tínhamos falado aqui, decidimos abrir o Ode Triunfante aos nossos comentadores e companheiros de discussão. Abrimos esta proposta com um post do Daniel Paradinha. As regras sao simples. Caso queiram iniciar um assunto aqui no Ode basta enviarem-nos um mail e, em principio, será aceite 🙂 Deixo-vos então com o post do Daniel.

Boas! Chamo-me Daniel Paradinha, participante aqui no Ode Triunfante há 2 ou 3 meses. Queria desta forma apresentar o meu recente trabalho para um concurso que ainda não teve “sentença”, cuja ideia era, através do design gráfico, expor algumas das “coisas” que provocam ou contribuem para a pobreza no mundo. Ora, o que me ocorreu assim de imediato é que o design contribui com toda a sua potencialidade para o aumento da pobreza e muito menos para a combater- basta pensarmos que começa logo a distinguir ricos de pobres -, então decidi que essa seria a minha subcrítica, no entanto a primeira ideia já tem a ver com estes assuntos que vão sendo postados aqui no Ode Triunfante, e neste caso tento passar a ideia que no futuro os donos do mundo podem usar o design e novos métodos tecnológicos para levar avante os seus objectivos, e um deles será o total controlo sobre as reservas de alimentos, bens essenciais sobretudo. Mostro essa prospecção através duma frase poderosa (fascismo camuflado -> fascismo evidente e abusado), e de uma ilustração que, embora abstracta, tem a sua coerência e pormenores a ser descobertos (embora neste tamanho seja mais difícil.)

Aconselho o filme “The Road”, é mais um “Hollywood”, mas um quanto depressivo mas dá assim uma noção assustadora do futuro, e tem uma parte em que os personagens encontram uma cave cheias de conversas (comida) e… têm de ver! Pessoal não é à toa que o Alex Jones anda a dizer “comecem a acumular conservas” porque quando se der o colapso energético-financeiro, embora não tenhamos a noção da gravidade que a coisa possa atingir, temos de estar preparados.. claro ninguém anda a fazer isso..para já.

Actualmente empenhado em pensar, desenhar e conceber um género ilustrativo, um conjunto de ilustrações vectoriais com um propósito bastante específico, o de activar ou reactivar um pensamento mais consciente, mais humanista, mais auto-crítico, mais aberto e mais preocupado em relação ao futuro. Uma das minhas principais inspirações foi o manifesto “FMI” de José Mário Branco, mas também alguns dos documentários que fui vendo, através do Diogo Coutinho, através das sugestões do Ode Triunfante, mas também queria referir que levo a sério estes conteúdos, pela sua credibilidade e pelo facto de provarem muitas das coisas que ouço desde pequeno e que agora estão mesmo a tornar-se realidade.

Sou fundador da RegularShift onde actualmente vendo t-shirts de autor, cujo tema e subtemas têm a ver com as nossas preocupações.. espero que gostem 🙂

Número de milionários cresce nos EUA em 2009

A crise não passou pelos lares mais endinheirados, nos Estados Unidos. É o que prova um relatório publicado agora, segundo o qual o número de famílias milionárias esteve em forte subida no ano passado.

O número de famílias com activos, exceptuando a residência principal, no valor de mais de um milhão de dólares, subiu 16% desde 2008 e é agora de 7,8 milhões. As chamadas famílias afluentes, com um património igual ou superior a meio milhão de dólares, estiveram também a aumentar.

Esta subida segue-se a uma forte queda no ano anterior, depois do máximo histórico atingido em 2007, ano em que o número de milionários explodiu. Mas a tendência não se resume ao outro lado do Atlântico. Também em Itália aumentou, não o número de milionários, mas o volume do dinheiro na posse das 640.000 famílias mais ricas. Isto, em grande parte, graças à amnistia anunciada pelo governo de Silvio Berlusconi às contas no estrangeiro, o que permitiu o repatriamento de grandes quantias. Mas isso não esconde a situação económica do país, que teve no ano passado uma queda de 5% no PIB.

FONTE

A menina que calou o mundo em 5 minutos

Sevem Suzuki, representou aqui nesta conferencia internacional a entidade não governamental ECO (Environmental Children’s Organization) que na altura tinha apenas 4 membros. Ela e mais 3 amigas…

Este episódio ocoreu durante a Conferencia das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento (UNCED), realizada entre 3 e 14 de Junho de 1992 no Rio de Janeiro. O evento contou com a presença de 172 governos e 108 chefes de estado, e ainda com a repesentação de 2400 ONG’s e 17000 pessoas. Desta conferencia resultou um tratado chamado Agenda 21 que visa o combate aos impactos que um Homem tem no meio ambiente.

O que se tem feito sobre isto desde então?

NADA

Vejam o vídeo, ele fala por sí só…

Robin Hood cibernético publica contas bancárias de ricos da Letónia

Um grupo de hackers conhecido por Quarto Despertar do Exército do Povo conseguiu aceder a sete milhões de declarações de IRS e tem vindo a revelar os ganhos de banqueiros e gestores públicos da Letónia via Twitter.

À boa maneira de Robin Hood, um dos membros do grupo Quarto Despertar do Exército do Povo tem vindo a concentrar as atenções da população da Letónia que atravessa actualmente uma crise económica, com taxas de desemprego de 23% e uma quebra de 25% produção de riqueza, durante os últimos dois anos.

Esta crise levou o Governo a aplicar cortes nos salários de funcionários de empresas estatais – mas nem todos terão feito o mesmo sacrifício.

O hacker que faz lembrar Robin Hood, mas adoptou a alcunha de Neo numa referência ao protagonista do filme The Matrix, mostrou no Twitter que muitos dos gestores de empresas detidas pelo estado da Letónia continuaram a receber bónus salariais secretamente, informa a BBC.

Os rendimentos dos gestores de um banco que evitou a falência com o apoio financeiro do estado letão também foram publicados no Twitter.

No total, os dados financeiros de 1000 empresas terão sido interceptados pelo grupo de hackers.

As autoridades da Letónia já informaram que vão investigar este caso de violação de privacidade. O que não impediu um crescendo de popularidade do desconhecido Neo entre a população deste país do Báltico.

BBC

Arte urbana alusiva à “Crise”

Trabalho a troco de queijo

Eu crise, tu crise, ele crise (...) Eles riem

Os ricos e poderosos mijão (cagam) sobre nós, e os media dizem que está a chover

Boa Crise, e um feliz medo novo

"Deixem-nos comer crack" alusão à frase da rainha Marie Antoinette (Sigam o link da imagem)

Fica com o troco, eu quero é mudança

Tempos dificeis

Eu não acredito no aquecimento global

A maioria dos Sem abrigo seguem em frente, mas os seus problemas não foram embora

Alusão aos gráficos financeiros

Capitalismo (TM)

A economia morreu, viva a crise

O governo mente, os bancos roubam, os ricos riem

O mercado não funciona correctamente

Não há ajudas para ti! Escravo da banca

The Venus Project – de 1760

Todos nós conhecemos de alguma forma o The Venus Project uma organização cujo objectivo melhorar a sociedade, construindo cidades sustentáveis , usando energia de forma eficiente, gerindo os recursos naturais da Terra, usando automação avançada, focando nos benefícios que tudo isto trará à sociedade. (Existem outros projectos semelhantes: The New Z-Land, e uma no Dubai que não me recordo o nome)

O que nós não conhecemos é que em 1760 várias missões jesuitas no interior da amazónia tinham como objectivo criar uma sociedade semelhante em tudo a estes projectos acima referidos. Em dada altura chegaram a contar com sessenta povoações habitadas por cerca de vinte mil famílias de indigenas. A sua percursão na sociedade de então era tal que os governadores coloniais de então se dirigiam a elas em forma de solicitão, e não de ordem.

Em cada missão estava no comando um membro da ordem, que era tutelado pelos líderes da missão. Esse comandante tinha o apoio um tenente corregedor, um alferes real, quatro regedores, um alcaide primeiro, um alcaide segundo, um alcaide da Irmandade, um alguazir-mor, um procurador e um secretário. Todos estes cargos eram exercidos por indigenas, já que era proibido que fossem exercidos por outros não nativos das aldeias.

Cada indígena tinha então um lugar na sociedade, e dedicava 6 horas por dia ao seu trabalho, as populações eram assim auto-suficientes. Desde a manutenção ao vestuário, passando pela fabricação de livros, ou orgãos musicais e alimentos necessários para todos.

Estas missões tornaram is indíos Guaranis (nome da tribo onde era feita esta experiencia) em pessoas pacíficas, infelizmente após saida da tutela dos missionários, esqueceram tudo aquilo que tinham aprendido até então voltando à sua vida anterior.

Este facto pouco conhecido do público em geral é a prova de que visões utópicas como a do The Venus Project ou The New Z-land, são situações que podem ser encaradas com grande realidade e como um caminho pela qual a sociedade em que vivemos hoje em dia devia de olhar com outros olhos e pensar seriamente naquilo que é ai proposto

Ricardo Salgado tem pena de receber menos em 2010…

E agora uma história nacional.

Esta tarde Ricardo Salgado, Presidente do BES afirmou que a banca nacional teve um “comportamento espectacular nesta crise. Compreendo que o Estado queira moralizar a acção dos banqueiros. Mas hoje, passado um ano, é possível distinguir o trigo do joio” e disse ter pena que “o Estado português tenha agravado os impostos à banca”.

“Tenho pena que o Estado português tenha tomado esta decisão”, diz Salgado sobre a tributação dos prémios dos gestores. A proposta do Orçamento Geral do Estado para 2010, apresentada ontem pelo Governo, propôe um agravamento da carga fiscal para a banca em vários níveis. Uma taxa autónoma de IRC de 35% e um imposto de 50% dos bónus dos banqueiros atribuídos em 2010 são algumas das propostas em cima da mesa.

Salgado alertou para o risco de inconstitucionalidade e fuga de gestores para países que não adoptaram essa medida.
O Banco Espírito Santo (BES) fechou 2009 com um lucro líquido 522 milhões de euros, número acima das projecções dos analistas.

Defacto 522 milhões de euros dão para comprar muito trigo…

Livros para Oferecer

Aqui fica um lista de bons livros para oferecer nesta época natalícia (ou em qualquer altura do ano) retirada do Blog OVigia.

Post OVigia:

Como esta quadra é artificial, ou seja pelo que se lê inclusive na Bíblia, o nascimento de Cristo não ocorreu nesta altura, o mais provável é que tenha ocorrido entre Maio e Julho, apenas o festejamos em Dezembro em virtude da Igreja Católica ter aproveitado cerimónias pagãs para transmitir a sua mensagem, nada melhor que lerem The Star of Bethlehem : The Legacy of the Magi.

Agora alguns livros para vos fazer pensar e muito concretamente acordar e abrir os olhos para a realidade.
Sem qualquer ordem em especial….

E para quem como eu adora Software Livre pela liberdade e pela protecção que nos concede relativamente à nossa privacidade, recomendo ainda estes Livros, Howto’s e Manuais

E claro não esquecer ainda algo que nos transporta para a liberdade da NATUREZA, as artes ancestrais de Bushcraft :)

Fim do Post OVigia

*

Como comentário pessoal acrescento:

Quanta gente não haverá que não liga a esses livros pelo título exotérico que possuem ou simplesmente os describilizam….

Comecei a ficar interessado há pouco tempo pelos lvros do Dan Brown, não pelo romance obviamente mas pela a informação que podem transportar. O último livro dele “O Símbolo Perdido” começa assegurando como facto todos os rituais e cerimónios que são referidos no livro. Aposto que as pessoas são capazes de ler o livro e nem sequer reflectir no que essa primeira página quer realmente dizer!

Quando as pessoas vêm no documentário do Zeitgeist dizer que dia 25 de Dezembro é uma data pagã e que Cristo nem sequer nasceu, toda a gente barafusta e diz que é mentira. Mas depois no filme dos “Anjos e Demónios” o Tom Hanks exactamente isso numa afirmação que até pode passar desapercebida e já ninguém comenta sequer.

Estas peculiaridades acerca dos comentários ou da ausÊncia dos comentários da pessoas fazem pensar muito seriamente sobre a minupalação das mentes.

Abraços e boas festas :)